INFINITAS POSSIBILIDADES !!

Querid@s,


Neste espaço compartilho as experiencias e impressões do dia a dia, seja dos relacionamentos, da vida, dos sentimentos e das pessoas. Lembranças e esperanças, concretos e abstrações, angustias e alegrias e principalmente a entrega no mundo das possibilidades que permite que celebremos encontros, desencontros, sabores, dissabores, afetos e desafetos, muitas vezes catarseando e outras transloucando.

Nossas possibilidades são infinitas como o amor, profundas como a vida e encantadoras como nós. Nossos pensamentos e reflexões vivem no limiar das experiencias e sucubem no desconhecido, portanto, permitir que vocês percebam as cabriolas do mundo interior ao se identificar com alguns textos ou opor-se a outros, ou ainda plantando uma semente para reflexão acerca de qualquer tema seria minha primeira intenção, porem, despretensiosamente, simplesmente desenharei palavras e às imagens vocês darão as cores, as formas e o destino de cada viagem à subjetividade, cada um criará.

Serão bem vindas as criticas, sugestões e partilhas.

Sera um prazer navegar com vocês!

Sejam bem vind@s! Namastê!


sexta-feira, 30 de março de 2012

Tempo + cumplicidade = amor

Dedico ao Sr. Edgar e Sra. Rosa


Hoje

Encontrei 156 anos juntos

Mãos dadas

Sorrindo sentados

Em uma mesa de bar

Ele 86 anos e ela 70

Um casal enamorando

Que venceram teorias de antropólogos

Decepções, tristezas

Filhos que partiram

Falta de dinheiro

Dentre tantas outras relatadas

E estavam ali

Bem em minha frente...

E eu que estava perdendo as esperanças...

Em meio a esta individualidade exacerbada

E aos valores de amores perdidos

Estávamos em frente ao Farol da Barra

Ela tomando chopp

Ele tomando agua

Sorridentes como se nunca tivessem sofrido

Sem as feridas do tempo

Leves e felizes

Conversando tornei-me

Um quase amigo

Descobri historias

Descortinei como 55 anos de convivência

Fazem com que seres

Se tornem tão iguais

Tão cumplices

Carinhosos e amantes

Os dois pareciam

Uma poesia pintada com pincel

Caricias e sonhos que resistiam

No Oceania, sentindo a brisa do mar

Fiquei ali ao lado, à espreita

Sentado

Atônito

Feliz por perceber que entre tantos casais

Buscando sexo no flerte de final de tarde

Eles transcendiam

Viviam pra eles, pros filhos, pros netos..

Enfim “Não tememos a morte porque vivemos pra vida”

Ela assim falou e depois soltou a gargalhada

Daquelas tão gostosa de se ouvir

Que deu vontade de pedir bis

E senti no seu olhar a nobreza dos espíritos

de amantes realizados

E eu continuei ali

Com o malte escocês

Que acredito que não era puro

Mas fazer o que nos dias de hoje se tudo é do Paraguai

Mas depois os deixei sozinhos novamente

E continuei Ouvindo... ouvindo... ouvindo...

Era tudo que meu espirito queria presenciar naquele momento

Me trouxeram a esperança

de um amor duradouro

e partiram como um sonho

Benzinho e Mô se foram
Beijaram-se e partiram

Atravessaram a rua os enamorados do final do dia

E saíram de mãos dadas como dois adolescentes

Felizes na primeira paixão




4 comentários:

  1. É mesmo um lindo texto! Desses de nos encher de esperança frente a um mundo imediatista e carente de afeto. Parabéns a você pelas belas palavras, pela sensibilidade ao presenciar um momento tão belo. E a eles, pela dádiva de ter sabido construir e cultivar um amor tão sólido. Estou seguindo o seu blog. Abraços

    ResponderExcluir
  2. Do mesmo jeito que acha esses 156 anos uma coisa linda, os 55 anos uma união maravilhosa, com direito a entregar-te e passar a viver a vida em um só coração com 156 anos e ainda firme e forte. Desejo a ti metade desses 156 anos com no mínimo de 27,5 anos de união eterna com alguém que vc mereça, e não a pessoa a te merecer, alguém que pelo menos 1/3 de sua perseverança, mínimo de 1/4 de sua força de sua gana, e um 1/8 de sua vontade de viver. Se essa não aparecer até seus quarenta (cronologicamente falando) não se preocupa pois contratarei um advogado para instituir no brasil o VERDADEIRO CASAMENTO FELIZ ETERNO SOLITÁRIO, pois quem disse que para ter um amor eterno, vc precisa de ter alguém.
    TE AMO MANO!! SOU SEU FÃ!! SDS!!!

    ResponderExcluir
  3. Gostei, Marcio! Sera que vamos conseguir chegar la este estagio?

    ResponderExcluir
  4. Nossa, Márcio.. Quanta profundidade e leveza... Esse seu texto também me fez renovar as esperanças do amor em todas as suas interpretações... Bjs

    ResponderExcluir

Postagens

Ocorreu um erro neste gadget